CMU realiza entrega de certificados do curso de libras

As aulas tiveram início em 07 de março, no plenário da Câmara, compreendendo carga horária de 30 horas/aula e foram ministradas pelo professor voluntário, Isac da Silva Haber.

A Escola do Legislativo da Câmara Municipal de Ubá realizou, na tarde de terça-feira (11), no plenário da Casa, a entrega de certificados de conclusão do curso de Libras (Língua Brasileira de Sinais). Os quinze participantes das aulas foram recebidos pelo diretor da Escola e vice-presidente da CMU, vereador Edeir Pacheco e pelo 1º secretário da Casa, vereador pastor Darci Pires da Silva e pelo vereador José Roberto Filgueiras.

As aulas tiveram início em 07 de março, no plenário da Câmara, compreendendo carga horária de 30 horas/aula e foram ministradas pelo professor voluntário, Isac da Silva Haber, e o foco principal foi nos sinais, que são atribuídos para especificar palavra, pessoa, sentimento, entre outros.

Para o diretor da Escola do Legislativo, vereador Edeir Pacheco, o curso de Libras é de grande importância para atender melhor a população surda. Ele agradeceu ao professor Isac pela parceria e parabenizou os alunos que participaram das aulas.

O professor Isac falou sobre a importância do curso para a cidade de Ubá. “O poder público é responsável pela difusão da Libras, para toda a sociedade, desde quando ela foi aprovada como língua oficial. Em Ubá é necessário se estabelecer a carreira de intérprete e do instrutor de Libras, no Estado já possui estes profissionais e, aqui em Ubá não tem na carreira docente a função de intérprete e a função de instrutor”, ressaltou Isac.

Segundo a estudante de Pedagogia da Unopar, Karen Tubiano Peluso, moradora da cidade de Piraúba, o curso de Libras vai ajudá-la em sua futura profissão. “As aulas são enriquecedoras e o fato de eu estar na área de educação é ainda mais importante. Com o curso é possível entender mais o universo dos surdos e espero contribuir de alguma forma”, disse Karen.

O estudante de Ciências Sociais da UEMG de Barbacena, João Wesley Santos de Oliveira, também participou do curso. “Aprender língua de sinais é uma forma de perceber como o surdo se comunica, interage, vive, relaciona, como ele participa da sociedade, enfim, possibilitar a comunicação entre pessoas surdas e ouvintes”, concluiu o estudante.

O PROFESSOR

Isac da Silva Haber é professor especialista em LIBRAS pela Sociesc-Sociedade Educacional de Santa Catarina. Foi aprovado no PROLIBRAS-MEC 2010. É professor intérprete de LIBRAS na Fupac/Ubá para os Cursos de Direito, Enfermagem, Fisioterapia e Pedagogia.

 

registrado em:
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis. Os comentários são moderados